terça-feira, 16 de dezembro de 2014

parte 3

Oiii galerinha, tudo bem com vocês????
Que dia é hoje, que dia é hoje???? Terça feira. Isso mesmo!!! Dia de postagem do livro aqui no blog.
Todo mundo feliz por conferir mais um pedacinho dessa história fofa?
Se você chegou agora e não sabe do que estou falando, Clique Aqui e confira. E se você perdeu as últimas postagens, vou colocar o link aqui. PrólogoParte 1Parte 2
Mas vamos parar de enrolar e vamos lá =D . E não esqueçam de comentar o que estão achando.....

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

               
                 Luana e Gui entraram em toda essa história por acaso. Ela e Rita eram colegas há anos, mas não eram exatamente amigas. Porém, Luana era muito amiga de Tati, uma menina da outra turma, e prima de Felipe. E então numa festa de família... Para as três se tornarem melhores amigas não precisou de muito. E o Gui acabou vindo junto ao pacote.

                 Rita precisava contar a Tati o que estava acontecendo. Mas a amiga tinha aproveitado os últimos dias de férias para visitar alguns parentes. Péssima hora essa. Rita queria todos os seus amigos por perto. Quanto mais gente pudesse ajudar, melhor.
                 — Tati — disse Rita, quando a amiga meio sonolenta atendeu ao telefone -, é a Rita. Quando você vai voltar? É, eu preciso falar com você. Assunto sério! Sim. Tive um sonho. Não, não dá para falar por telefone. Volta logo. Estou com saudades! Beijos. Eu também adoro você.
                
                Fazia muito sol. Luana tentava apressar o passo, para acompanhar a velocidade da amiga. Tinha as pernas mais compridas que Rita, mas a amiga andava tão rápido, que estava difícil acompanhar.
               — Lu, vamos logo. — gritava Rita, já da outra esquina.
               — Arf... Arf... Calma, Ritinha. — arfava Luana. — Estou indo. Ela não vai sumir.

               A amiga tinha falado com a cartomante. E esta aceitou prontamente atender ao pedido. — Claro! — dizia ela. — O amor é assunto de primeira ordem. Existe algo mais importante? — Não para elas.
              As amigas não podiam contar tudo para Matilde. Não poderiam falar dos sonhos de Rita, e tudo o mais. Mas elas precisavam dar algumas informações para a mulher. E então Luana ligou para a cartomante:
              — Oi, Mati. É a Lu. Tudo bem? Eu estou ligando para marcar uma hora. Não, não é pra mim, não. É pra Ritinha. Isso, a baixinha. Ela tá com alguns problemas. Não, não. Que é isso, nada de saúde. Mas é meio sério. É sobre ela e o namorado. Isso, ele mesmo. Eles andam meio assim, a Rita tá meio desconfiada. É. Eu também acho que não. Mas ela insistiu tanto para falar com você. Sério? Muito obrigada, Mati. A gente se fala terça, então. Beijos.
             Luana desligou o telefone e discou para Rita.
             — Falei com ela, Rita. Sim, ela acreditou em tudo. Você, por favor, confirme a história. Não, não pensei em mais nada. Nem o Gui. Se a gente pensar, eu te aviso. Ok. Te espero, então. Beijos.

            Matilde morava em uma casa amarela de madeira, com as portas e janelas marrons. Uma casa bastante antiga. Não fossem pelas flores no pátio, todas bem cuidadas, e pela dezena de gatos gordos que passeavam em cima do muro, Rita diria que era uma casa abandonada. Bateram palmas. Ninguém. Bateram palmas de novo. Ninguém.
            — Matiiiiilde. — gritou Luana.
            E então ela apareceu na porta. Alta, magra, de óculos redondos. A julgar pelas roupas e o andar corcunda, poderia ser dito que ela tinha pelo menos uns cinquenta e tantos anos. Mas ela tinha trinta e cinco. Trinta e cinco. Cinco anos mais nova que a dona Clélia. E não aparentava. Mesmo! A mãe de Luana disse que ela ficou assim por causa dessa birutice toda. Mas apesar da sua aparência excêntrica, ela não era tão desagradável.
           — Oi, meninas. Desculpe não ter atendido antes. Eu achei que eram esses vendedores ambulantes chatos. Dia desses, um apareceu aqui me oferecendo amuletos para vender. Vê se posso com isso. Por acaso eu tenho cara de trambiqueira? — perguntou ela.
           “Cara, tem”, pensou Rita. Mas preferiu balançar a cabeça negativamente. E seguiu Luana e Matilde para dentro de casa.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

34 comentários:

  1. Oie,
    a história continua um mistério que só.
    Estou curtindo

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa, fico feliz com isso =D
      Beijoos

      Excluir
  2. Ahhhh Gih! Que maldade!
    Agora fique mega curiosa pra saber o que a cartomante vai falar!
    Bjs

    http://a-libri.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahhahha, era essa a ideia,kkkkk
      Beijooos

      Excluir
  3. Tá ficando cada capítulo melhor, hein. Sério, acho que combinou muito Matilde com cartomante hehe.

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii Ju, que bom que gostou :)
      Beijoos

      Excluir
  4. Poxa vida, vou ficar ansiosa esperando a próxima terça para ver como vai continuar essa história! Tá bem legal!
    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oii Gih!
    Hahahaha, só quero ver o que essa cartomante vai dizer!
    Torcendo pra eles não se separem, rs
    Beijos
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Carol. É esperar na mesma ansiedade que a Rita e a Lu, heheh
      Beijooos

      Excluir
  6. Estou adorando acompanhar essa história! ♥ *-*
    Parabéns!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Dessa. Fico muito feliz com isso =D Beijoos

      Excluir
  7. Oooi,

    Acho demais você disponibilizar sua obra aqui no blog, sua escrita é muito fluida e nos deixa curiosa! Adorei *--*


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiiii. Fico muito feliz com esses elogios :)
      Beijoos

      Excluir
  8. Olá,
    Adorei essa continuação, adoro sua escrita e estou ansiosa por outras partes.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Inês, fico muito feliz em saber disso =D
      Beijooos

      Excluir
  9. Wowww fiquei sumida um tempo e agora me deparo com partes da sua obra aqui? Que máximo! Adorei

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii Joi, que bom que gostou :)
      Beijooos

      Excluir
  10. Oi, Gih!
    Ri sozinha com essa dona Matilde! Ela parece muito excêntrica realmente, mas gostei de dispor seu dom aos outros sem cobrar dinheiro. Nota-se que ela pode realmente ser uma vidente, afinal, não explora a fé das pessoas… Estou curiosa sobre o que ela tem a dizer para a Rita! Espero que sejam boas novas! (rs)

    Beijos!
    http://myqueenside.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Fran. Legal ela né? hahah, é uma figurinha =D
      Beijoos

      Excluir
  11. Ah, você é muito má, parou na parte mais interessante hehe. Está muito bom. Estou adorando acompanhar a história da Rita.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii. Hhahah, só um pouquinho má, kkkk
      Fico muito feliz que esteja gostando :)
      beijooos

      Excluir
  12. Ahhh, Gih! Foi tão equeno hoje :(
    Quero mais, haha.
    Adorando a história.
    Beijos

    >>Tem promoção de Natal e Final de Ano lá no blog. São livros, marcadores e vale presente. Não fique fora dessa!<<
    Construindo Estante || Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Eli. hahha, pelo jeito todo mundo ficou, kkk. mas era essa a intenção, kkk
      Beijooos

      Excluir
  13. Tô adorando o livro, haha.
    Lá no post de wishlist é uma geladeira, uma mini geladeira.
    As férias foram boas, mas passei mais tempo gravando e fazendo posts pro blog.

    http://colorful-mushrooms.blogspot.com.br/

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Thaís, fico muito feliz =D
      Ahhh que tudo, que quero aquela geladeira, hehehhehe
      Ahh que bom que foram boas. e deu para trazer algumas novidades para o blog :)
      Beijooos

      Excluir
  14. Estou morrendo de amores por esse livro,fico tão ansiosa para ler esse pequeno trechinho.E você sempre para quando fica tão interessante e me deixa mais curiosa ainda.
    Mas,como sou uma boa pessoa vou esperar o outro trechinho rsrs.
    Beijos lindona
    http://nadadecontodefadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii linda. Aown, fico muito feliz que você esteja gostando :)
      Beijooos

      Excluir
  15. Aah, adorei a imagem, me deixou curiosa! Não sabia que você tava postando as partes, vou lá ver a primeira *-*

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br
    Tem resenha nova no blog de "Não Fuja!", vem conferir!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii Carol. Eba!!! vai lá sim :)
      Beijooos

      Excluir
  16. Oi, Gih! Muito boa a parte 3! Estou doido para saber o que a cartomante tem a dizer para a Rita! Muito ansioso para a parte 4! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii Tony. hahah, fico muito feliz que esteja gostando. grande abraço =D

      Excluir
  17. Adorei a parte 3!!!! Estou louco para a continuação!

    http://historiasinacabaveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Edu. Que bom que gostou :)
      Espero que possa acompanhar essa história :)
      Abraços

      Excluir