quarta-feira, 25 de maio de 2016

Contos lidos #7

E aí povo lindo, tudo certo por aí? 

Ontem eu não apareci aqui, pois estava fazendo algumas provas complicadas da faculdade. Pensem na situação da coitada da criatura de humanas, fazendo uma prova de matemática financeira... Pois é! Mas não é que me sai bem? Ou melhor, maravilhosamente perfeitamente bem. Gabaritei a prova. Isso mesmo! Só não sei como, acho que baixou o santo matemático na criatura hahahha. Eu estava com tanto, mas tanto medo de fazer essas provas, mas foi tudo perfeito, então vamos lá que a vida segue e já tem matéria nova no pedaço... 

Mas como nem só de faculdade vive a pessoa hoje estou aqui para falar de contos, então peguem papel e caneta e anotem as dicas :) 

OBS: Todos os contos são encontrados na Amazon. Basta clicar no título para ser direcionado à página. 




Este é um conto que fez bastante sucesso quando a Fran lançou. Mas só pude ler recentemente. E entendo agora o porquê de tanto alvoroço. Realmente a Fran é super talentosa. Já era possível perceber isso acompanhando seu blog My Queen Side, mas ao ler o conto, tive ainda mais certeza disso. Ainda que o enredo não seja bem o que costumo e gosto de ler, curti bastante. E a escrita da Fran é uma delícia e impecável. Não vou falar sobre o enredo, pois o conto é curtinho, mas confiram a sinopse na Amazon. 


Seria trágico se não fosse cômico. E seria cômico se não fosse trágico. O conto em si, poderia até ser trágico, se não fosse engraçado. Um homem, impedido de realizar seus desejos por causa de um... sapato? Mas confesso que me sinto meio otária hahahha. Alguém já leu este conto? O autor revela que o personagem é alguém conhecido. Eu desconfio de algumas figuras, mas não tenho certeza. Então seria cômica a minha dúvida, se não fosse trágica, já que aparentemente todo mundo entendeu a piada, menos eu... Se alguém leu, por favor, me revele o segredo hahaha. 

Esse é um conto super curtinho e revela bastante sobre os jovens casais. Aqueles que se casam no ápice da paixão, mas que descobrem que a vida a dois não é assim tão simples. Gostei bastante por revelar essa realidade. Mas confesso que alguns pontos bem pessoais, me incomodaram um pouco, acho que as pessoas são diferentes e um casamento perfeito não é feito de duas pessoas iguais. Ainda assim, acho que C.J. Santos sabe envolver e até emocionar, um pouco mais de prática e amadurecimento e poderemos conhecer grandes histórias desse rapaz. 

Vocês acreditam em destino? Acreditam que conhecemos as pessoas por puro acaso ou por uma força maior? Particularmente, não gosto muito de pensar em coisas pré determinadas. Acho que nosso livre arbítrio é que faz as diversas situações. Mas nem eu posso negar, que certas coisas são muito exatas para serem apenas coincidências... Quantas pessoas nós conhecemos ao longo da nossa vida? Por quantas pessoas nós esbarramos todos os dias? E se aquela pessoa que entrou no vagão, fosse nossa alma gêmea? E se nosso melhor amigo, fosse aquele cara que não cumprimentamos? E se assim perdemos uma grande chance? 
O conto é super curto, mas nos leva a estas reflexões. Então indico sim.

Não conhecia a escrita da Adeline ainda, mas agora que conheci... quero ler muitas outras coisas da autora. Neste conto, conhecemos uma mulher que está em busca de comida. O mundo está devastado. Existem poucos sobreviventes. Até aí nada de novidade não é mesmo? Mas sério gente, o conto surpreende bastante. Além da escrita super fluída da autora, o desfecho me deixou de boca aberta, pois eu realmente não esperava aquilo. Não posso contar mais para não dar spoilers, mas vale conhecer. 



Infelizmente este conto não me conquistou. Eu adorei o título e fiquei esperando algo diferente. Mas infelizmente não encontrei isso. Acho que esse é um tema onde podemos ousar, mas este conto é bem comum, não achei ele muito especial. 


Há muito tempo eu queria ter lido este conto, pois acompanho o Tony em seu blog Tony Lucas, mas sempre ficava adiando e adiando... Até que finalmente li. E devo dizer a vocês, não é apenas a capa deste conto que é uma gracinha. O conto inteiro é uma graça, uma delícia de ler, a escrita do Tony é super fluída e lemos o conto rapidinho, mas torcendo para mais coisas desse casal. Indico a todos aqueles que gostam de histórias leves, gostosas e que nos fazem suspirar. Apenas uma coisa me incomodou e foi por causa dela que não dei 5 estrelas ao conto (dei 4). A idade dos personagens. O conto está classificado como infanto juvenil na Amazon, então é justificável que os personagens sejam meio bobos e até infantis. Mas eles tem mais de 20 anos. E ficam reclamando de coisas que a gente reclama quando tem 15 anos. Quando a gente tem 20, a gente vai lá e muda as coisas. Então acho que se os personagens tivessem até uns 17 anos, casariam melhor com a história. Mas claro, isso é só uma opinião. E não acho que desmereça o conto, é apenas um ponto que me desagradou. Mas o conto está super indicado, assim mesmo. E pretendo ler mais coisas do Tony.


E é isso meu bom povo. Já leram algum? Curtiram conhecer? Me contem! 

E se você gostou da postagem, compartilhe com os amigos. 

Um beijão e até a próxima!  

8 comentários:

  1. Miguel e Manuela tem uma capa muito bonita. Apesar de não ler muito contos (acho que não gosto porque são muito curtinhos kkk), gostei da sinopse desses. O casamento imperfeito acho que já tinha visto em outros blogs uns comentários também :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá, Gih.
    Até o fim dos dias foi o conto que mais me chamou a atenção. Parece ser bem interessante. Apesar de não ser exatamente original, fiquei curioso por causa dos elogios que você fez.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de maio. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir
  3. Amei *---* Adoro contos, estou com Miguel e Manuela do Tony, vou passar na frente das leituras hehehehe
    Beijo*
    http://umminutoumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, Gih.
    De todos esses só li o conto do Tony, que amei. Acredita que nem tinha reparado na idade dos personagens? hehe. Fiquei curiosa com o conto A traição do sapato novo e fui ver lá Amazon e não é que tenho ele? Vou ler já hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois me conta se descobrir o segredo heheh
      Beijos

      Excluir
  5. Olá Gih!
    Também li Tobias e eu fiquei perplexa quando acabei. Falei: Gente, que isso?
    Enfim, acho que leu minha resenha no blog.
    Me interessei pelo conto do Tony. EU sou apaixonada por infanto juvenil, lerei quando tiver oportunidade.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Gih!
    Não li nenhum desses, mas já anotei aqui e vou tentar descobrir o segredo do conto do sapato novo pra te contar. kkkkkkkk
    Beijo

    Canastra Literária | Facebook | Twitter

    ResponderExcluir
  7. Oi, Gi!
    Fiquei curiosa sobre esse da Morte se apaixonar.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir