segunda-feira, 3 de agosto de 2015

"E Se" O Destino Soprar - Claudia Hackbart

Oii galerinha, tudo bem??? Hoje estou aqui para mais uma resenha . Queria fazer esta resenha em vídeo, mas meu cenário sofreu um acidente, perdi o cabo da minha câmera e não sei falar o sobrenome da autora. Ou seja, o destino soprou para que eu fizesse essa resenha escrita, kkkk. Brincadeiras a parte, vamos conferir???


Título: "E Se" O Destino Soprar
Autora: Claudia Hackbart
Páginas: 360
Skoob
Sinopse: Quem nunca se questionou “e se?”, questionará. Quem nunca sentiu o Destino soprar, sentirá. Há dias que passam como qualquer outro, todavia, existirão aqueles que mudarão tudo... ou quase tudo! Baseado na história da vida de Lovinha, “E se” o Destino soprar?, é o relato da autora sobre suas experiências sobre o Destino, Acaso e Coincidências. Precisou aprender a lidar com os obstáculos da vida, mas, ao invés de se colocar no papel de vítima, preferiu se tornar uma heroína na sua própria história. Envolvente, emocionante e comovente, a trama nos leva a acreditar numa força maior, capaz de abrir ou fechar portas. Sua vida toma rumos surpreendentes e incontroláveis, em que o inexplicável sempre acontece. A reflexão sobre suas decisões é uma constante: E se tivesse feito outras escolhas? Há mesmo males que vêm para o bem? E será que existem coincidências? Que poder têm os contratempos sobre o rumo de nossas vidas? É uma busca por respostas. Mostra as suas relações familiares, de amizade e, ao mesmo tempo, sua história com Encantado: um amor feito imã, que às vezes, sucumbia ao Acaso. Seria esse amor capaz de superar o tempo e driblar o Acaso? A fé e a esperança dizem que sim, mas não foi sempre assim. Uma história encantadora e diferente, marcada por imprevistos e que revela várias surpresas. Só não é um conto de fadas porque é uma história real. "E se?"


Minha Opinião: "E Se" O Destino Soprar é basicamente* uma obra autobiográfica. Ele é narrado em primeira pessoa pela Lovinha/Claudia e vai contar a sua trajetória e as suas situações com o Destino e principalmente com o Encantado.

Confesso que estava com um pouco de medo de ler o livro. Já conhecia a autora pela internet e na feira do livro da cidade tive a oportunidade de conhecê-la e conhecer também o Encantado (seu marido) e ambos são um amor. Mas meu medo não era esse. Vocês viram que linda a capa do livro? Mas vocês viram que há a imagem de Jesus? Fiquei com muito medo de que o livro tivesse muita carga religiosa e eu me sentisse sufocada com isso. Mas nem de longe isso aconteceu. O livro realmente fala sobre Deus e crenças, mas de uma forma muito natural e sem te obrigar a ter as mesmas opiniões. Na verdade, eu realmente me surpreendi com o livro e acabei lendo mais rápido do que esperava e curtindo muito mais do que havia imaginado.


Se tivesse que classificar o livro em um gênero que não fosse a biografia, classificaria ele como um romance romântico. Apesar do livro ter muitos personagens, sem dúvida, o casal rouba todas as cenas. Então românticos de plantão que já estão virando a cara, pois viram a palavra biografia, podem continuar aqui.

Mas o livro ainda é mais do que um romance. Aliás, a vida é mais do que um romance não é mesmo? Então, os não românticos que estão virando a cara, podem ficar aqui. O livro fala sobre família, escolhas, destino, religião, respeito, cultura gaúcha e muito mais.

A autora tem uma forma de escrever simples, mas que encanta. A única coisa que me irritou na escrita, eram as frases e declarações clichês. Mas parando para pensar, o amor não tem algo de clichê? Quando estamos apaixonados não tendemos a falar no diminutivo? A chamar de docinho? A jurar pela lua e estrelas? Então...


Falar sobre os personagens é um pouco difícil. Afinal, uma coisa é julgar o Harry e a Hermione. Outra é julgar a J.K entendem? Não concordo com as atitudes que todas as pessoas tomaram. Mas eu não tenho que concordar. É a vida delas, o sofrimento delas, as escolhas delas. Achei algumas atitudes imaturas? Achei. Mas isso não me dá o direito de julgar a pessoa por trás de determinado personagem. Mas cá entre nós, por favor né gente, quando duas pessoas se amam, elas devem mais é ficar juntas e o resto é bobagem.

Mesmo não concordando com muitas coisas, acabei me identificando com várias situações. Pode ser que alguém leia e diga: Mas isto é tão inverossímel. Inverossímel para quem? Para quem tem uma vida pacata? Gente, a vida não é previsível como muitos pensam. As vidas são diferentes, as pessoas são diferentes. Por favor, vamos parar de achar que tudo é inverossimilhança, ok?

É claro que começamos o livro, já sabendo o final. Mas nem por isso ele deixa de ser interessante. Queremos saber quais foram os caminhos que essas pessoas percorreram até chegar aqui.


O trabalho físico do livro está muito bacana. Em cada começo de capítulo, há uma citação. Em alguns há fotos - e poderiam ter mais, heheh- as folhas são amareladas. Só a letra é miudinha.

Por fim, não poderia terminar sem deixar de indicar. É um livro que vai te fazer sorrir, chorar, torcer, ficar com raiva, vai dar vontade de se apaixonar e correr para o colo da sua mãe. Conheça esta história e perceba que a vida pode ser melhor que um conto de fadas.

Ah e a autora me revelou e eu vou revelar para vocês, heheheh que em breve o livro será lançado pela novo século, com o selo Novos Talentos.

*Perguntei a autora, se tudo que estava no livro era realmente verdade e aconteceu de tal forma. Ela revelou que grande parte sim, mas que algumas coisas foram modificadas em benefício do livro.

Então por hoje é só pessoal. Alguém já conhecia? Alguém já leu? Conte aí!!!

42 comentários:

  1. Oie Gis,
    nossa nunca tinha ouvido falar do livro, mas parece interessante.
    Gostei da sua resenha. Vou procurar mais sobre ele.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Vanessa! Também gostei da resenha, mas eu sou suspeita. bjins

      Excluir
  2. Sou do time que nem tudo tem que ser verossímil para funcionar. A não ser, claro, que o livro siga a corrente realista.
    Fico feliz que a religiosidade tenha sido inserido como algo normal e sem forçar a barra; prefiro dessa forma. Porque há alguns livros que parecem tentativa de lavagem cerebral.
    Quanto aos personagens, realmente é difícil julgar, já que eles são reais e não temos nada a ver com a vida alheia.
    Acho que leria. Não agora, mas futuramente.
    Provavelmente iria curtir a obra.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de agosto. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Desbravadores!!! Gostei da colocação. 1 baita abraço

      Excluir
  3. Parece que é um autêntico hino ao amor, essas histórias fazem falta. Senti-me tentado a espreitar =)

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiê Miguel!!! Hino ao amor? Adorei! 1 baita abraço

      Excluir
  4. Não conhecia mas parece ser bom
    a capa não chama a atenção
    mas o conteúdo é que vale rsrsrs

    Mil beijocas
    ⋙ ♥ Blog Livros com café

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Pepi! Já ouvi outros comentários como este sobre a capa. Então na próxima edição (em setembro pela Novo Século) mudarei a imagem (snif). Esta foto da capa tem um grande valor sentimental pra mim (eu com meu pai), mas já fui convencida de que ela sugere um conteúdo exclusivamente religioso... que não é o caso. bjins

      Excluir
    2. Oi Clau. Fico muito feliz que a capa vá mudar. A foto é maravilhosa com certeza, mas realmente ela dá uma ideia errada :( . Mas a foto pode - e deve - estar dentro do livro, pois ela é linda demais. Um beijão e todo o sucesso do mundo ;)

      Excluir
  5. Eu amei a capa do livro, e parece ser muito bom. Estava afastada, mas agora voltei gih.
    Obrigada por comentar no meu blog!

    http://colorful-mushrooms.blogspot.com.br/

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
  6. Oi Gih! Nunca tinha ouvido falar do livro, confesso que não sou muito chegada a biografias, mas como o romance prevalece, continuemos, rs.
    Preciso dizer que achei o nome da protagonista engraçado, rs, e que às vezes frases clichês me irritam tbm, assim como atitudes imaturas XD
    Mas ele parece trazer muitas emoções pro leitor, e gostei de saber que trata de religião tbm sem ser forçado.
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carol!!! Que o Destino sopre coisas boas pra você!!! bjins

      Excluir
  7. Oiê Gih!!! Nossa, quanta emoção... em ler as suas palavras (muito bem argumentadas), em saber a sua opinião (sempre bem vinda) e principalmente em visualizar o meu livro na sua prateleira. Obrigada pela resenha, adorei! Poder contar com o apoio de blogs para nós, escritores nacionais, é fundamental na divulgação. Querida, parabéns pelo blog!!! abraços 1000

    ResponderExcluir
  8. Já li esse livro tmb!! Comprei e não me arrependi. E pra mim que sou amante de livros de romance com partes picantes e biografias fui bem servida :) :) Chorei e dei muitas gargalhadas lendo, me proporcionou uma viagem expetacular. Eu realmente incorporei os personagens e vivi tudo aquilo ali como se fosse comigo!! Adorei sua resenha, mas discordo sobre a letra, acho que com letra maior o livro ia ficar bem mais grande, e seria uma bíblia :p e sobre a imaturidade, acho que todos tem um pouco dela quando realmente se apaixonam :P recomendo lerem ele porque vale a pena muito mesmo !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Taiane! Fico muito feliz por ter lhe proporcionado uma viagem espetacular!!! 1 baita abraço

      Excluir
  9. Oi! Muito legal o seu blog Gih! Quanto ao livro já li e adorei, muito emocionante e surpreendente; bjokas Lovinha, abraço Gih

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiê!!! Que bom que gostaste, Vitória!!! Bjokas querida

      Excluir
  10. Oi, Gih.
    Ri muito com o começo da postagem hehe. Gostei muito da capa do livro, já disse que tenho um fraco por capas com vestido de noiva? hehe. No começo estava meio relutante em relação ao livro, pois não gosto de biografias, mas depois que você disse que dá para classificar com um romance romântico, me interessei.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sil!!! Também ri com o início... A Gih é D+, adorei todas as colocações dela. Se quiser dar uma conferida entra no Facebook Escritora Claudia Hackbart. 1 baita abraço

      Excluir
  11. Olá Gih!
    Amei a resenha. Eu nunca cheguei a ler um livro autobiográfico, mas esse me pareceu interessantes.
    Achei a capa dele linda!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ane!!! Obrigada! Que o Destino sopre coisas boas pra você!

      Excluir
  12. Alias, o mangá do Só você pode ouvir deve ter na internet. Dá uma olhada no site da JBC Mangás, eles que publicaram o mangá. Olha na Comix também é uma boa, eles vendem mangás por lá também. :3

    ResponderExcluir
  13. Oi, Gih

    Eu ri aqui com o começo da postagem! hahahahah "não sei falar o sobrenome da autora" hahahaha

    Eu não gosto de ler biografias, mas pelo que você falou e pelo que consegui ler naquela página aberta do livro, ele parece ter um diferencial.
    Que bom que a religião não é imposta aos leitores, alguns autores pesam a mão e ultrapassam a linha do bom senso!

    E parabéns para a autora pelo lançamento pela Novo Século! ;)

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tamires!!! Obrigada!!! Estou #ansiosa.com com esta nova publicação. 1 baita abraço

      Excluir
  14. Oi Gislaine! Gostei muito da sua resenha, já li o livro e posso afirmar que é simplesmente fantástico, vivi todas as emoções possíveis e conheço a autora que é um amor de pessoa. um abração em cada uma

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lucy!!! Que bom te ver por aqui!!! Me deixaste com a sensação de dever cumprido... abraços querida

      Excluir
  15. Oi Gih, tudo bem?
    Que saudades eu estava daqui! Estou tão ocupada estudando que quase não tenho tempo de visitar os amigos :(
    Sobre o livro... Ele parece ser bem fofo, na real. E no momento que estou, um livro assim é tudo que eu quero, simples e eu já sei o final, rs. Espero poder ler a obra um dia.
    Super beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Roberta!!! Se quiser conhecer um pouquinho mais sobre o livro, acesse o Facebook, o G+ ou o meu blog: Asas de Leitura Lovinhabart. 1 baita abraço

      Excluir
    2. Oi Ro. Também sem tempo? Está difícil né? precisando de um dia de umas 60 horas, kkkkk
      Um beijão

      Excluir
  16. Olá! Já li o livro e gostei muito! A autora coloca muito amor e sensibilidade na narrativa fazendo valer cada parágrafo.
    Gostei da resenha também!
    Parabéns as duas, especial para Vc Cláudia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marion! Que bom te ver por aqui!!! 1 baita abraço

      Excluir
  17. Olá Gih,

    Não conhecia o livro e nem a autora, não gostei da capa, mas a história apesar de alguns pontos parece boa.....bjs.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marco! Realmente, a capa está dividindo opiniões...Obrigada por comentar! abraço

      Excluir
  18. Pelo titulo do livro logo convida o leitor para ler a sinopse,e a história pelo visto é ótima pelo fato que não envolve contos de fatas,e sim fatos verdadeiros(amo livros assim).E de certa forma a nossa vida basta a gente querer,pode ser muito melhor que um conto de fadas.
    Adorei conhecer o livro,e a autora que o escreveu,e com certeza é uma ótima obra para ser lida.
    Beijos
    http://nadadecontodefadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Erika! Obrigada!!! Que o Destino sopre coisas boas e o meu livro pra você!!! bjins

      Excluir
  19. Oi Gih!!
    Eu já conhecia esse livro rs. Posso dizer que se ainda restava alguma dúvida se eu deveria ler ou não ela sumiu no momento em que li sua resenha. Tenho certo receio em relação a autobiografias, mas esta obra está voltada para o romance e bem, você já me conhece né? É claro que vou gostar!!
    Desejo sucesso a autora e que dê tudo certo com a editora :D
    Beijos querida,

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiê Bárbara! Fico feliz pelo interesse e obrigada pela torcida!!! 1 baita abraço

      Excluir
  20. Oi Gih,
    Tenho o prazer de conhecer a Claudia e o Leo pessoalmente e são duas pessoas maravilhosas. Li o livro da Claudia é gostei muito também é uma verdadeira lição de vida cheia passagens de amor e superação. Recomendo muito a todos.
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel!!! Obrigada pelo carinho! abraços 1000

      Excluir
  21. Olá!
    Confesso que torci a cara quando vi a palavra autobiografia, mais ao longo da resenha fui vendo que o livro é muito bom, gosto de romance e já que o casal está sempre em destaque me agradou bastante, e gosto de romances reais e vejo que esse é nesse estilo já gostei.
    Bjocas!!

    ResponderExcluir
  22. Gih!
    Na minha opinião uma biografia não tem como ser julgada, foi a vida da pessoa ou pessoas, portanto, as atitudes tomadas, foram as que na época do fato, elas tomaram.
    Em se tratando ainda de um romance, chama ainda mais minha atenção, porque carecemos de amor.
    E como falar de amor sem ser clichê? Na minha opinião, não dá, aliás, quanto mais clichê, melhor.
    E família é tudo em nossas vidas, concorda?
    Claro que quero demais poder apreciar a leitura desse livro.
    “Somente quando encontramos o amor, é que descobrimos o que nos faltava na vida.” (John Ruskin)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista de Dezembro, serão 6 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir